Participantes tiveram amostras de sangue coletadas para posterior análise

Produtores rurais que comercializam na Ceasa Regional de Patos de Minas participaram da segunda etapa do estudo que visa rastrear os marcadores de risco para câncer de próstata. Nessa fase eles tiveram amostras de sangue coletadas para posterior análise, procedimento esse realizado em dois momentos. O mais recente deles ocorreu no último dia 14 de janeiro e foi coordenado pela professora do campus local da Universidade Federal de Uberlândia (UFU) Thaíse Gonçalves de Araújo, com apoio de servidores da Secretaria Municipal de Saúde. Nesse mesmo dia, o projeto de pesquisa foi apresentado ao novo secretário de Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Sustentável, Lucas Mendes, o qual acolheu os pesquisadores para dar continuidade ao trabalho.

Essa sequência envolve, a partir de agora, analisar geneticamente o material coletado dos comerciantes para verificar se eles têm risco de desenvolver câncer de próstata. “Dentro do estudo, ligaremos essas informações a fatores de risco para, assim, trabalharmos a prevenção e minimizar o risco de os participantes desenvolverem a doença. Essa pesquisa é voltada a produtores expostos a agrotóxicos”, explica a diretora da Vigilância em Saúde, Lílian Marinho. Ela lembrou que a primeira etapa do estudo foi executada em novembro de 2020 e buscou sensibilizar os produtores quanto à importância da iniciativa.

O estudo para rastrear marcadores do câncer de próstata em comerciantes da Ceasa é desenvolvido pela UFU e recebe apoio tanto do Ministério Público do Trabalho quanto das secretarias municipais de Saúde/Vigilância em Saúde e Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Presenças – Além da professora Thaíse Gonçalves de Araújo e da diretora de Vigilância em Saúde, Lílian Marinho, estiveram presentes na coleta do dia 14 de janeiro: a coordenadora da Vigilância em Saúde Ambiental, Geize Marques; a coordenadora da Ceasa, Cristiane Londe; a técnica de enfermagem Phabiola Suellen Marra Camilo Ferreira; o técnico da UFU Renan Faria e os alunos Douglas Brandão, Dayanne Borges, Gislaine Rocha e Laryssa Sales.