O microchip para cães e gatos é uma forma moderna de identificar o animal de estimação de modo eficaz e seguro. Trata-se de um microcircuito eletrônico, de tamanho aproximado a um grão de arroz, implantado sob a pele. Ele contém um número com todas as informações do pet, como: nome, raça, idade, histórico de doenças e dados do seu proprietário. 

Caso o animal se perca ou até mesmo seja roubado, pode ser identificado facilmente por meio desse dispositivo. Para isso usa-se um equipamento leitor e, por meio do número lido, podem ser acessados os dados de contato dos seus donos. A maioria das clínicas veterinárias hoje já possui leitora de microchip. 

Não é um sistema de localização por radar ou GPS, para isso existe o localizador pet. O microchip é sim um sistema de identificação. Funciona como um “RG eletrônico”. Em vários países, como Estados Unidos, Espanha e Reino Unido, é obrigatório o uso desse método para identificar todos os animais de estimação. 

É uma tendência que só traz benefícios ao segmento e à população em geral. E para que não fiquem dúvidas sobre o procedimento, preparamos uma cartilha informativa sobre o tema. Confira abaixo (para acessar as páginas seguintes, posicione o mouse ou o dedo no rodapé da página) ou baixe aqui o documento.

Guia_Microchipagem_Patos_de_Minas