O Auxílio Brasil, antigo Bolsa Família, é um programa federal de transferência direta e indireta de renda voltado às famílias em situação de pobreza e de extrema pobreza. O benefício engloba políticas públicas de assistência social, saúde, educação e emprego. 

Para recebê-lo, as famílias precisam atender às condicionalidades de saúde e educação.

São condicionalidades da saúde:

  • acompanhamento nutricional e do calendário vacinal de todas as crianças de 0 a 7 anos, semestralmente;
  • acompanhamento nutricional de todas as mulheres de 14 a 44 anos;
  • acompanhar o pré-natal de todas as gestantes.

Para tanto é necessário procurar as unidades de saúde da família, bem como os chamamentos feitos ao longo da vigência (semestral), pois o não acompanhamento das condicionalidades pode levar ao bloqueio e até ao desligamento do programa. Portanto as famílias beneficiárias que ainda não foram acompanhadas devem procurar as unidades de saúde de referência até 30/6/2022.

É importante também ficar atento à atualização do CADASTRO ÚNICO, que deve ser feita a cada dois anos. No caso de alguma alteração nas informações prestadas, deve-se procurar de imediato o CRAS/CADÚNICO de referência.