A central está localizada na Avenida Maria Clara da Fonseca, 1080, Bairro Planalto
Nesta terça-feira (17), a Central de Abastecimento de Patos de Minas divulgou a relação de produtos comercializados ontem, bem como seu valor de venda. A lista detalha o preço mínimo e máximo praticado pelos produtores, fornecendo ainda o valor médio de comercialização dos produtos.

A variação de preços trazida pela Ceasa permite verificar quais itens mantiveram o preço e quais produtos apresentaram variação. De acordo com as leis de mercado, as variações dependem de uma série de fatores, merecendo destaque as condições climáticas e a sazonalidade do produto que, consequentemente, determinam sua oferta.

A relação de preços fornecida pela central aponta alta em itens como alho importado, amendoim, batata-doce e beterraba. Alimentos como cenoura e pimentão verde tiveram alta significativa no período de uma semana. A cenoura, por exemplo, foi comercializada no último dia 9 (segunda-feira) por R$ 35,00 (a caixa de 20 kg), sendo vendida ontem por R$ 55,00. Já alguns legumes como abobrinha caipira e berinjela mantiveram o preço médio de venda. Batata comum, inhame, mandioca e pepino, por sua vez, registraram queda no preço.

Na Ceasa, são comercializados gêneros alimentícios cultivados pelo produtor rural e itens diversos, como flores, queijo, rapadura, mel e ovos. A relação traz também produtos importados, tais como kiwi, ameixa importada e pera argentina.

Funcionamento – Apesar da suspensão de algumas atividades nos próximos dias, devido às medidas preventivas contra o coronavírus, a Ceasa Regional funcionará normalmente. É importante destacar que todos devem tomar as devidas precauções recomendadas pelos órgãos de saúde. Além disso, a Secretaria Municipal de Agricultura orientará, nesse período, produtores e frequentadores da Ceasa quanto às medidas de prevenção e disponibilizará álcool em gel no local. Também é preciso salientar que a permanência no local deve ser evitada, pois aglomerações de pessoas é condição favorável para a propagação do vírus.