Estudo no município faz parte de uma pesquisa nacional para estimar número de infectados por coronavírus

Nos dias 21, 22 e 23 de junho, acontece a terceira e última etapa do estudo nacional para dimensionar o número de casos de Covid-19 na população. Patos de Minas, como nas fases anteriores, receberá pesquisadores do Ibope Inteligência para aplicação de mais 250 questionários e testes rápidos, totalizando 750. A pesquisa é coordenada pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel) e financiada pelo Ministério da Saúde. 

Os pesquisadores utilizam equipamentos de proteção individual, de forma a não colocar em risco a própria saúde nem a dos entrevistados. Além disso, para auxiliar no processo e proporcionar maior tranquilidade à população, os agentes de combate a endemias acompanham os trabalhos. O mapeamento das residências a serem visitadas foi determinado pelo próprio Ibope e inclui a área urbana e o distrito de Pindaíbas. 

Ao todo, são 133 municípios brasileiros participando do estudo com a aplicação de 33 mil testes no país. A pesquisa ajudará a identificar o número de pessoas que possuem anticorpos para Covid-19. Os resultados obtidos por meio das entrevistas serão analisados pela UFPel, podendo ser utilizados para tomada de decisões em relação às medidas de enfrentamento à disseminação da doença.

“A colaboração dos cidadãos é imprescindível para que o objetivo da pesquisa seja alcançado. Por isso pedimos novamente que a população receba os pesquisadores e participem”, disse a diretora da Vigilância em Saúde, Geize Marques.