HIV e sífilis: Patos de Minas se destaca por práticas na eliminação da transmissão vertical

Patos de Minas conquistou importante reconhecimento nesta sexta-feira (8/12), quando foi certificada pelo Ministério da Saúde como município a alcançar a eliminação da transmissão vertical do HIV. A cidade também recebeu o Selo Bronze de Boas Práticas Rumo à Eliminação Vertical da Sífilis.

As certificações foram entregues nesta sexta-feira (8/12) pelo Governo federal, durante cerimônia em Brasília (DF). Patos de Minas esteve representada pela secretária de Saúde, Ana Carolina Caixeta, e pelas diretoras de Vigilância em Saúde, Lílian Marinho, de Atenção Básica, Jéssica Pimenta, e de Atenção Especializada, Vanêssa Borges. 

A transmissão vertical é aquela que ocorre de mãe para filho, e o último caso de HIV congênita no município ocorreu há 18 anos. No caso da sífilis, embora ainda haja contaminação durante a gestação ou o parto, a taxa é inferior a 5%. Esses números são fruto do trabalho sério dos profissionais de saúde e do comprometimento das gestantes em seguir o pré-natal da forma correta.