Eleição destinou-se à escolha de representantes de entidades não governamentais para integrarem o CMDCA

Aconteceu nessa quarta-feira (15/12) eleição de representantes da sociedade civil para o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA). A votação foi realizada na sede do antigo fórum, no período da tarde. O processo eleitoral foi coordenado por uma comissão formada por  Márcia Ávila Moraes (presidente), Sandra Maria Caixeta Silva (mesária) e Maria Abadia de Oliveira (secretária).

Das onze entidades que inscreveram representantes para concorrer, as sete mais bem votadas foram eleitas. Abaixo segue relação das organizações da sociedade civil e de seus representantes eleitos para o biênio 2022-2024:

1. Associação de Pais, Amigos e Profissionais dos Autistas de Patos de Minas – Esperança Azul, representada por Gilber Reginaldo da Mota (titular) e Mauria Veronica de Carvalho (suplente). 

2. Casa da Sopa Tia Euzápia, representada por Eduardo Eugênio Ferreira (titular) e Flávia da Silva Bontempo (suplente).

3. Lar Paulo e Estêvão – Instituição de Educação e Assistência Social Espírita, representado por Márcia Valéria de Araujo Torres (titular) e Márcia Aparecida de Assis Gonçalves (suplente).

4. Posto de Assistência Chico Xavier, representado por Márcia Ávila Moraes (titular) e Daiana Aparecida Fernandes (suplente).

5. Amparo Eurípedes Novelino, representado por Mônica Porto Silveira (titular) e Marta Célia Caixeta Santos (suplente).

6. Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Patos de Minas – Apae, representada por Elisangela Luisa Fernandes (titular) e Virgínia das Graças Sousa.

7. Rede Cidadã, representada por Sirlânia de Fátima Barbosa e Carvalho Matos (titular) e Tatiana Paula de Magalhães Dias (suplente). 

O quantitativo de votos recebido pelas instituições e as entidades que ficaram como excedentes podem ser consultados no Diário Oficial do Município.