A Secretaria de Obras Públicas trabalha com esforço coletivo para minimizar os transtornos causados pelas chuvas nas estradas rurais de Patos de Minas. Pontos recuperados recentemente foram danificados, com o grande volume de água “lavando” o cascalho em muitos locais. De acordo com a Defesa Civil de Patos de Minas e o Corpo de Bombeiros, do início de janeiro até as 15h30 desta terça-feira choveu 46,73mm (17% do esperado para todo o mês de janeiro). As precipitações mantêm-se constantes, com pequenas interrupções. 

Nesta terça-feira, por exemplo, foi retirado atoleiro na estrada de acesso a Bebedouro das Posses (próximo ao Rancho do Padre). Já na véspera do ano-novo, o mesmo serviço foi executado em Barreiro de Lenhosos. “Nem os bolsões têm sido suficientes, pois é muita chuva para um curto período. Estamos atuando nas urgências. Havendo um pouco de estiagem, retornamos com a manutenção, o cascalhamento”, explicou o secretário de Obras Públicas, Paulo Henrique Caixeta.

“Não é o cenário que nós desejamos, claro. Mas a chuva não está sob nosso controle, e há situações em que nem o trabalho preventivo impede os estragos. Fato é que estamos trabalhando para garantir o escoamento das produções e a mobilidade dos moradores da área rural”, destacou Paulo Henrique. Ele orienta que os pontos críticos nas estradas rurais podem ser comunicados à prefeitura por meio da Ouvidoria, cujo telefone de contato é 3822-9115 (12h às 18h) e o e-mail é ouvidoriamunicipio@patosdeminas.mg.gov.br, ou diretamente na secretaria pelo 3822-9718 (7h às 13h)